Por Que Temos Asma?

Ao longo dos anos muitas pesquisas na área médica foram realizadas no intuito de combater a asma, que é uma das doenças crônicas mais comuns em todo mundo, e tenta buscar entender as diversas formas de origens desta enfermidade. Uma vez que ela pode ser provocada pela combinação de vários fatores, os mais conhecidos são: genéticos, alimentícios (camarão, leite, ovos, amendoins, soja, ou frutas frescas) ambientais (poeira, ácaro, fumaça tóxica, fumaça de cigarro e partículas de plantas como pólen).

Na verdade, estes fatores não são compreendidos na sua totalidade.

A medicina diz que estes fatores podem influenciar não só para agravar a doença, porém como também na forma de receber o tratamento. A forma como cada paciente reage, quer dizer, vive com a Asma.

O que se tem de comprovado mesmo, são as análises feitas em um pulmão saudável com um pulmão asmático e o que se viu, foi uma diferença incrivelmente no seguinte aspecto: a sensibilidade e a inflamação que o pulmão asmático tem e que reage ao menor nível de irritação, por isso, a musculatura dos brônquios são fracas e não tem forças para realizar o processo de defesa contra o menor elemento irritante, como uma partícula de poeira, por exemplo.

Diante deste quadro hipersensível que acomete ao organismo de um asmático, ele não terá defesa e isso impedirá que ele realize o processo de respiração normalmente ocasionando as crises asmáticas e necessitando de ajuda para respiração. Em muitos casos pode ocasionar a morte se não for atendido corretamente ou não fizer tratamento adequado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *